A constante evolução do mundo nos exige cada vez mais uma rápida adaptação à novos
conceitos, tecnologias, processos e rotinas.

As aulas, seja sobre qualquer assunto, também acompanharam essa evolução e hoje temos
muitos recursos para substituir as tradicionais salinhas de aula com o professor. Um
exemplo disso são as aulas remotas, ou online.

No entanto fica a dúvida, as aulas online são melhores do que as presenciais? Ou, será que
eu vou mesmo aprender isso sem ter a presença do professor fisicamente?

Nesse sentido esse artigo busca apresentar um panorama sobre essas dúvidas, e para
começarmos vou te mostrar um depoimento que um aluno me enviou.

O seu nome é Daniel Pupo, veja só:

“Olá, estou muito contente com o curso do professor Rafa Vanazzi, eu já tinha feito
oito meses de aula presencial com um professor particular, mas parei, pois não
gostei do método usado. Então encontrei o curso do Rafa Vanazzi e decidi começar
tudo do zero.

Seguindo as aulas corretamente, os exercícios passados e o método de progressão.
Na sexta aula já tive uma grande evolução e melhorei muito. Agradeço a atenção
sempre do professor Rafa e de sua equipe, a preocupação com cada aluno em saber
se está realmente progredindo, se está tendo alguma dificuldade. Estou satisfeito
com o curso e sei que agora só depende dos meus estudos e dedicação!

Obrigado”.

Daniel Pupo

Porque eu te apresentei esse depoimento? Porque ele trás os dois tipos de ensino vividos
pela mesma pessoa e isso pode nos dar muito subsídio para tentar chegar a uma resposta
sobre qual modalidade é a melhor no que se refere ao acordeon.

Primeiro ele diz que realizou 8 meses de aulas com um professor particular, de forma
presencial, e pelo seu relato vemos que ele não ficou satisfeito com o resultado alcançado
nesse tempo.

Depois que iniciou os estudos com o meu curso, que é por videoaula, depois de 6 aulas ele
já viu resultados melhores.

Isso não é mágica e nem quero dizer que eu sou o melhor professor do mundo. Apenas
quero dizer que existem algumas coisas que podem influenciar na qualidade do ensino, seja
remoto, seja presencial.

A arte de ensinar

Essa é a principal questão que pode influenciar a qualidade e os resultados de um curso, a
arte de ensinar é diferente da de saber tocar. Quem sabe uma, não necessariamente
domina a outra.

Assim, como é preciso estudar para tocar também se faz necessário estudar para ensinar!

Então, se você não tem presencialmente perto de você alguém que domine a arte de
ensinar, é mais vantajoso procurar uma aula online de alguém que a domine. Isso trará
muito mais resultado.

Durante todos os meus estudos sobre o ensino eu pude comprovar que isso realmente
acontece e de uma maneira muito mais comum do que a gente imagina. O que é triste pois,
se uma pessoa não sabe ensinar ela não vai conseguir passar o seu conhecimento para
outros que podem se frustrar e desistir.

Então qual modelo é melhor?

Posso dizer que não há uma resposta para isso. O que existe são as maneiras como cada
uma dessas modalidades são adotadas e isso sim é o que vai definir se o curso será bom.

Seja presencial ou online, o que importa mesmo é o método de ensino utilizado, se o
professor realmente domina o ensino, se você vai se dedicar ao estudo.

Variáveis que podem ser boas ou ruins no ensino presencial e também no online.

Sugiro que você avalie essas questões ao procurar por um curso ou um professor.
Espero que você tenha gostado desse artigo e te convido a ver alguns outros depoimentos
no meu canal no YouTube.

Abraços e até o próximo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *